Fundo
Quinta-feira, 17 de Junho de 2021
Baixe o app do Comece o dia feliz
Play Store App Store

Evangelho do dia 09/12/2018

2º Domingo do Advento - Ano C - Roxa
1ª Leitura: Br 5,1-9 Salmo: 126(125) - Traze de volta, Senhor, nossos exilados! 2ª Leitura: Fl 1,4-6.8-11
evangelho
Voz de quem clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor! - Lc 3,1-6

No décimo quinto ano do império de Tibério César, quando Pôncio Pilatos era governador da Judeia, Herodes tetrarca da Galileia, seu irmão Filipe, etrarca da Itureia e da Traconítide, e Lisânias, tetrarca de Abilene, enquanto Anás e Caifás eram sumos sacerdotes, a Palavra de Deus foi dirigida a João, o filho de Zacarias, no deserto. Ele percorreu toda a região do Jordão, pregando um batismo de conversão para o perdão dos pecados, como está escrito no livro dos oráculos do profeta Isaías: “Voz de quem clama no deserto: Preparai o caminho do Senhor, endireitai as veredas para ele. Todo vale será aterrado; toda montanha e colina serão rebaixadas; as passagens tortuosas serão endireitadas, e os caminhos esburacados, aplanados. E todos verão a salvação que vem de Deus”.

Bíblia Sagrada, tradução da CNBB, 2ª ed., 2002.
Clique nos títulos para ler o conteúdo.
Oração Inicial

"Preparai o caminho do Senhor, endireitai as veredas para ele!". Este é o convite que ouvimos da boca de João Batista, neste 2º Domingo do Advento. Acolhamos o apelo que a Palavra hoje nos faz para bem prepararmos o caminho do nosso coração para a vinda do Senhor.
Em nossa Leitura orante peçamos: Espírito que converte, toca o meu coração e o coração de todas as pessoas para que, abandonando os erros e vícios, voltemo-nos para Jesus, por uma sincera conversão. Amém.

Leitura (Verdade)

O que diz o texto? Quem é João Batista? Qual é o convite central da pregação do Batista? Qual é a compreensão possível para as frases: "Preparai o caminho do Senhor, endireitai as veredas para ele!" e "Todos verão a salvação que vem de Deus"?
“[...] Nosso texto apresenta a missão de João Batista, precursor do Messias. Uma das características do evangelho segundo Lucas é o sincronismo histórico, isto é, ele visa situar os acontecimentos da história da salvação na história da humanidade. Com isso o autor do terceiro evangelho insiste na dimensão histórica desses acontecimentos. O evangelista nos dá uma indicação temporal: décimo quinto ano do império de Tibério César, ou seja, por volta do ano 28 d.C. Em seguida, traz uma visão panorâmica da situação política do momento: Pôncio Pilatos, governador da Judeia; Herodes, tetrarca da Galileia; Filipe, seu irmão, da Itureia e da Traconítide; Lisânias, de Abilene. Ele nos diz também que Anás e Caifás eram os sumos sacerdotes em Jerusalém. João, filho de Zacarias, é um profeta da transição entre o Antigo e o Novo Testamento. Por isso, de modo solene, como para os profetas antigos (cf. Jr 1,4), se diz que a Palavra de Deus foi dirigida a ele, impelindo-o a pregar um batismo de conversão para a remissão dos pecados. O batismo de João prepara um evento muito mais importante: a vinda do Senhor. Somente removendo todo obstáculo é que a salvação de Deus se tornará acessível a todas as pessoas. A voz de João Batista convida a nos prepararmos para receber o Senhor. O que significa endireitar as veredas? Significa fazer com que nossa conduta seja conforme a vontade de Deus. Quando perdemos a confiança em Deus e a esperança, nos tornamos como um vale que precisa ser aterrado. Como? Pela confiança em Deus. Para receber o Senhor é preciso humildade; é isso que significa que toda montanha e colina serão rebaixadas. Todos dependemos da bondade do Senhor; sem ela não somos nada; por isso, devemos renunciar e lutar contra o orgulho e a soberba. A voz de João no deserto nos convida neste tempo do advento a examinar nossa consciência para ver em que precisamos ser purificados e transformados para reconhecer e acolher o Senhor que vem ao nosso encontro” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)

João Batista insiste no convite à conversão: convertei-vos, preparai-vos... A conversão tira do nosso coração os obstáculos que impedem de celebrarmos a vinda do Senhor em nossas vidas e no mundo. Coloquemo-nos com fé no caminho de conversão, confiantes de que a graça de Deus nos acompanha.
Quais são os meus propósitos para este tempo do Advento? Em minha vida, percebo a necessidade de conversão? Quais são as vozes que hoje "gritam no deserto" e nos convidam a voltarmo-nos para Deus? O Evangelho de Jesus Cristo é a voz que me chama à conversão? Como tenho preparado os caminhos para a vinda do Senhor no mundo hoje, nas realidades em que vivo? De que forma posso dar mais lugar para Deus em minha vida?

Oração (Vida)

"Vem Senhor Jesus, o mundo precisa de ti.
Ao mundo falta a vida: tu és a Vida. Vem Senhor Jesus!
Vem Senhor Jesus, o mundo precisa de ti.
Ao mundo falta a paz: tu és a Paz. Vem Senhor Jesus!
Vem Senhor Jesus, o mundo precisa de ti.
Ao mundo falta a luz: tu és a Luz. Vem Senhor Jesus!
Vem Senhor Jesus, o mundo precisa de ti.
Ao mundo falta amor: tu és Amor. Vem Senhor Jesus!
Vem Senhor Jesus, o mundo precisa de ti.
O mundo caminha em sonhos, busca algo mais. Vem Senhor Jesus!
Vem Senhor Jesus, o mundo precisa de ti."

Contemplação (Vida e Missão)

Qual é o novo olhar que nasceu em mim a partir da Palavra? Quais apelos recebi e compromissos desejo concretizar em minha vida?

Bênção

- Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
- Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
- Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas

A Palavra de Deus foi dirigida a João no deserto e ele se pôs a percorrer a região do Jordão, pregando um batismo de conversão para o perdão dos pecados. Foi no tempo de Herodes Antipas, de Pôncio Pilatos, de Anás e Caifás. Realizava-se a profecia de Isaías, que dizia: “Voz que clama no deserto: ‘Preparem o caminho do Senhor’”, ou, dizia o profeta: “Voz que clama: no deserto preparem o caminho do Senhor”. Os textos grego e hebraico permitem as duas leituras.
[...] Pensando o evangelista São Lucas na vinda do Messias, para ele a voz do Batista soou no deserto, conclamando todos a preparar o caminho do Senhor. No deserto há uma voz clamando a quem quiser ouvir: “Preparem o caminho para o Senhor passar”. Assim entendeu Lucas a profecia de Isaías. O resultado da pregação do Batista é que “toda carne verá a salvação de Deus”. Preparem todos o caminho do Senhor e todos verão o Salvador. Lucas se serve do texto grego onde se lê que “todos verão a salvação de Deus”. Sem dúvida o evangelista amplia a visão de Isaías. Não se trata apenas do retorno dos cativos que estavam na Babilônia; trata-se de um chamado a todos os povos para que, trilhando o caminho do Senhor, possam ver o Salvador.
[...] Procuremos, pois, tirar os obstáculos que se encontram no caminho e que impedem tanto a nossa passagem quanto a do Senhor. Os obstáculos desaparecem ou se multiplicam segundo as decisões que tomamos. As decisões são tomadas no discernindo daquilo que é o melhor para a glória de Deus e o bem do próximo.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2018’, Paulinas.