Fundo
Sexta-feira, 19 de Outubro de 2018
Baixe o app do Comece o dia feliz
Play Store App Store

Evangelho do dia 19/10/2018

28ª Semana do Tempo Comum - Ano B - Verde
1ª Leitura: Ef 1,11-14 Salmo: 33(32) - Deus ama o direito e a justiça.
evangelho
Cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia - Lc 12,1-7

Entretanto, milhares de pessoas se ajuntaram, a ponto de uns pisarem os outros. Jesus começou a falar, primeiro a seus discípulos: “Cuidado com o fermento dos fariseus, que é a hipocrisia. Não há nada de oculto que não venha a ser revelado, e não há nada de escondido que não venha a ser conhecido. Portanto, tudo o que tiverdes dito na escuridão, será ouvido à luz do dia; e o que tiverdes pronunciado ao pé do ouvido, nos quartos, será proclamado sobre os telhados. A vós, porém, meus amigos, eu digo: não tenhais medo dos que matam o corpo e depois não podem fazer mais nada. Vou mostrar-vos a quem deveis temer: temei Aquele que, depois de fazer morrer, tem o poder de lançar-vos no inferno. Sim, eu vos digo, a este deveis temer. Não se vendem cinco pardais por duas moedinhas? No entanto, nenhum deles é esquecido por Deus. Até mesmo os cabelos de vossa cabeça estão todos contados. Não tenhais medo! Vós valeis mais do que muitos pardais”.

Bíblia Sagrada, tradução da CNBB, 2ª ed., 2002.
Clique nos títulos para ler o conteúdo.
Oração Inicial

Memória litúrgica de São Paulo da Cruz, fundador da Congregação dos Passionistas. No encontro com o Senhor, por meio da leitura orante, entreguemos a Ele tudo o que iremos viver e peçamos as luzes e graças necessárias para a nossa vida. Silenciando seu coração, repita algumas vezes, pausadamente, a oração: “Espírito Santo, necessitamos de vossa ajuda para conhecer o caminho que devemos seguir”.

Leitura (Verdade)

O que diz o texto? Observe o contexto do relato evangélico: lugares, pessoas e acontecimentos... Quais são as imagens utilizadas por Jesus? Qual tema perpassa a discussão dos personagens? Qual convite Jesus faz aos discípulos?
“Depois de sair da casa do fariseu que o tinha convidado para uma refeição, onde deixou os fariseus e os escribas furiosos pela crítica feita a eles, Jesus é cercado pela multidão a quem ele ensina, assim como aos seus discípulos. Em primeiro lugar, Jesus previne contra a hipocrisia todos os que o cercam para ouvi-lo. Na parábola do Reino, o fermento é utilizado em sentido positivo, para dizer que o Reino de Deus começa a agir na história da humanidade de maneira modesta: um pouco de fermento é capaz de fazer crescer uma grande quantidade de massa. Aqui, ele é usado em sentido negativo, para se referir à hipocrisia dos fariseus: a hipocrisia é o ‘fermento dos fariseus’, isto é, um mal que corrompe por dentro. Nessa série de orientações e exortações, no caminho para Jerusalém, Jesus interpela os seus discípulos à coerência e ao anúncio destemido do que eles, em particular, receberam do Senhor. Para isso, diante das perseguições próprias à realização da missão, é preciso confiança em Jesus. Ele promete que estará sempre presente para encorajá-los e fortalecê-los na fé. Enquanto o discípulo não superar o medo da morte, ele não será livre para seguir Jesus” (Carlos Alberto Contieri, sj, em “A Bíblia dia a dia”, da Paulinas Editora).

Meditação (Caminho)

O que o texto diz a você hoje? Qual palavra do Evangelho encontrou sintonia com sua vida, com suas atitudes? Quais sentimentos o texto provocou em você? Procure sintetizar em poucas palavras o apelo que a Palavra de Deus despertou em seu coração. Permaneça em silêncio por alguns instantes.

Oração (Vida)

Na meditação, ouvimos a Deus, que falou conosco por meio de sua Palavra. Agora, somos impelidos em direção Àquele a quem temos ouvido. O que o texto bíblico o(a) inspira a dizer a Deus? Conclua com a oração composta por São João Paulo II: “Senhor Jesus, concede-me crer firmemente no amor que Tu me revelaste e que doaste no teu Evangelho. Faze que eu ouça cada dia a tua voz que me chama a seguir-te para sentir sempre em mim os benefícios da tua redenção. Amém.”

Contemplação (Vida e Missão)

Com a Palavra de Deus na mente e no coração, qual atitude você se propõe viver hoje?

Bênção

- Que Deus nos abençoe e nos guarde. Amém.
- Que Ele nos mostre a Sua face e se compadeça de nós. Amém.
- Que volte para nós o Seu olhar e nos dê a paz. Amém.
- Abençoe-nos, Deus misericordioso, Pai, Filho e Espírito Santo. Amém.

Paulinas

Jesus continua seu discurso com força e entusiasmo, agora se dirigindo aos discípulos. Havia muita gente em torno de Jesus, mas ele se dirige primeiramente aos seus discípulos e os adverte a terem cuidado com a hipocrisia dos fariseus e a não terem medo das oposições. O que tiverem que anunciar será feito de cima dos telhados. Se tiverem que ter medo de alguém, tenham somente de Deus. Os discípulos têm a proteção de Deus. Jesus os prepara para os momentos difíceis que terão de enfrentar. Não serão aceitos pelas autoridades judaicas e serão aprisionados e mortos sob a autoridade romana. O que foi dito aos primeiros discípulos vale também para nós. Não tenhamos medo de quem mata o corpo e depois não pode fazer mais nada! E estejamos atentos para não nos deixar fermentar pela hipocrisia.

Côn. Celso Pedro da Silva, ‘A Bíblia dia a dia 2018’, Paulinas.