Fundo
Domingo, 14 de Agosto de 2022
Paulinas - A comunicação a serviço da vida
Dica de Vida Saudável do dia 02 de fevereiro
Coisa de pele
Coisa de pele
Freeimages

Chapéu, sombrinha, canga, boné, camiseta, óculos escuros, protetor solar, guarda-sol, barraca, vale tudo para se proteger do sol. E é nesta época do ano que as pessoas mais se atentam para isso. Afinal de contas, existe uma maneira 100% segura de ficar sob o sol sem prejudicar a pele?

O professor de Dermatologia da Santa Casa de São Paulo, dr. Marcus Maia, afirma que é preciso adotar uma série de condutas para que aconteça, realmente, a fotoproteção, “o filtro solar sozinho não resolve”, garante.

Ele adverte para o câncer de pele que acomete pessoas com predisposição genética como, por exemplo, pele clara, olhos e cabelos claros e com histórico familiar, que se exponham ao sol sem a devida proteção. “Quanto mais fatores de risco a pessoa tiver, maior será a probabilidade de desenvolver o câncer de pele”, explica o dr. Marcus Maia. Além disso, existem os fatores de risco adquiridos, que são as queimaduras solares, excesso de pintas e sardas.

Dr. Marcos Maia, ao dizer que existe um conjunto de atitudes que vai definir se a pessoa está cuidando da saúde da pele ou não, relaciona a observação do horário de exposição ao sol, uso de roupas de mangas compridas para quem trabalha sob o sol, chapéu de abas largas, entre outras, e ressalta a importância do uso frequente e diário de filtros solares, em qualquer época do ano.

Usar camisetas sob o sol é importante desde que sejam de cores escuras, como vermelho e azul, as de cores claras não protegem contra os raios ultravioletas, é importante dar atenção a esse fator porque, muitas vezes, a pessoa deixa de passar o protetor solar acreditando que a área coberta pela roupa não está exposta ao sol. Hoje existem roupas e acessórios fabricados no Brasil que trazem no tecido fatores de proteção ultravioleta, feitas com poliamida, a qual permite que o bloqueador solar, dióxido de titânio, seja colocado no fio antes da fabricação, por isso o filtro solar não sai com as lavagens.

Os imprescindíveis quarda-sóis devem ser de cores escuras, para aumentar a fotoproteção. Uma opção para ficar ao ar livre sem sofrer os danos das radiações UV-A e UV-B são as tendas, que já trazem em seu tecido fator de proteção solar e possuem formato aerodinâmico para resistir ao vento.

Por Sílvia Torreglossa/Revista Família Cristã – edição 938