Fundo
Quarta-feira, 17 de Abril de 2024
Paulinas - A comunicação a serviço da vida
Data comemorativa do dia 05 de março
Dia do Filatelista Brasileiro
Dia do Filatelista Brasileiro
Freeimages

O hábito de colecionar coisas é um dos mais antigos passatempos do ser humano. Há mais de um século e meio, a coleção de selos tem atraído um grande número de aficionados, por todo o mundo. Esse tipo de coleção é denominado "filatelia" (do grego "fila" = amigos e "telos" = selo); seu praticante é o filatelista. Contudo, nem só de selos vive o filatelista; na sua coleção também encontram-se carimbos, franquias mecânicas, folhas comemorativas e blocos.

A filatelia se tornou uma atividade cultural. Os selos comemorativos, por exemplo, registram os aspectos socioculturais das nações, tornando-se fontes inesgotáveis de pesquisa, entretenimento e investimento.

Os filatelistas de todo o mundo criaram diversas organizações para promover a arte da filatelia e fornecer informações úteis. Entre elas, destacam-se a Federação Internacional de Filatelia (FIP) e a Federação Brasileira de Filatelia (Febraf). O primeiro selo do mundo surgiu na Inglaterra, em 1840. Era conhecido como "penny black" e trazia a efígie da rainha Vitória. O advento do selo foi fundamental para o sucesso da reforma postal, que revolucionou os correios no mundo inteiro.

O primeiro selo brasileiro foi o olho-de-boi, que surgiu em 1º de agosto de 1843. O Brasil foi o segundo país do mundo a emitir selos. Mais tarde surgiram os selos inclinados (1844), olhos-de-cabra (1849) e olhos-de-gato (1854). Os primeiros selos comemorativos brasileiros datam de 1900 e foram emitidos para celebrar o IV Centenário do Descobrimento do Brasil.

O Brasil foi o primeiro país do mundo a lançar um selo com legenda em braile, emitido em 1974, e o segundo do mundo a lançar um selo tridimensional (em holograma), em 1989. O pioneirismo brasileiro revelou-se mais uma vez quando foi lançado, em 1999, o primeiro selo do mundo com odor.

Retirado do livro: 'Datas Comemorativas cívicas e históricas', Paulinas Editora.